segunda-feira, 23 de agosto de 2021

Base de dados Cartográfica Disciplina Fundamentos do Geoprocessamento com o uso do QGis.


Base de dados Cartográfica Disciplina Fundamentos do Geoprocessamento com o uso do QGis. Para Acessar Clique Aqui

sexta-feira, 21 de maio de 2021

Livro para Download: ACORDOS DE PESCA COMO INSTITUIÇÃO SOCIAL DE GOVERNANÇA DE TERRITÓRIOS PESQUEIROS: O CASO DE LIMOEIRO DO AJURU PA

 


Os acordos de pesca surgem da mobilização das comunidades pesqueiras que criam regras em comum acordo para conservar os recursos pesqueiros em seus territórios a fim de garantir renda e segurança alimentar, além de fortalecer os laços sociais entre os indivíduos. Dessa forma, este livro tem por objetivo analisar o processo de criação dos acordos de pesca, sobretudo as suas implicações como mecanismos de governança territorial em prol do desenvolvimento local no município de Limoeiro do Ajuru, expondo a pesca em suas vertentes simbólicas e culturais. Clique aqui para o download...



quarta-feira, 5 de maio de 2021

Base de Dados Cartográfica Digital do Curso GEOPROCESSAMENTO COM O USO DO QGIS: MÓDULO BÁSICO


Disponibilizamos neste link a Base de Dados Cartográfica Digital do Curso GEOPROCESSAMENTO  COM O USO DO QGIS: MÓDULO BÁSICO. Para Download Clique Aqui.

segunda-feira, 26 de abril de 2021

Livro Gratuito para Download: CAMINHOS NO CAMPO E NA CIDADE: EXPERIÊNCIAS DO PRONERA NO ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO... Acesse...

Esta obra é fruto das atividades de Pesquisa, Ensino e Extensão realizadas no âmbito do curso de especialização em “Geotecnologias Aplicadas ao Planejamento Ambiental e Desenvolvimento Territorial Rural”, que teve a parceria entre a Universidade Federal do Pará (UFPA) e do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), no período de 2018 a 2021. Os resultados aqui demonstrados abordam temas diversos nos espaços rural e urbano e tem como foco principal a dinâmica territorial amazônica. Os textos estão organizados em capítulos, que tem a autoria principal dos próprios alunos do curso e a coautoria de seus orientadores das monografias de conclusão de curso, tendo, nesse sentido, uma construção conjunta e coletiva dos textos.

O conteúdo aborda assuntos relativos aos conhecimentos de cada discente, desse modo, a realização do curso não objetivou somente o uso das geotecnologias, mas também, a aplicação prática dessas ferramentas no território de cada aluno/comunidade participante. De fato, esperamos que os conhecimentos conceituais e práticos adquiridos por cada autor contribua para a melhoria da qualidade de vida de todos em um futuro próximo.

Para acesso a versão ebook Acesse aqui... Para a compra da versão impressa Clique Aqui.

terça-feira, 23 de março de 2021

Livro para Download: USO DOS RECURSOS NATURAIS DA AMAZÔNIA PARAENSE.


Este livro foi elaborado com o intuito de contribuir com a produção geográfica na Amazônia, buscando o incremento de material didático sobre essa região e o seu ensino. Nesse sentido, desde o ano de 2007, a produção de material didático sobre Geografia da Amazônia faz parte dos objetivos do Grupo Acadêmico Produção do Território e Meio Ambiente na Amazônia (GAPTA), em parceria com o Núcleo de Meio Ambiente da Universidade Federal do Pará (NUMA/UFPA). A viabilização dessa obra conta com o financiamento dos próprios autores e com contribuição significativa de recursos e equipamentos do projeto “O uso da cartografia em sala de aula e a geoinformação como tecnologia assistiva de inclusão Socioespacial”, termo de outorga nº. 021/2020, (Chamada n°. 012/2017 de Concessão de Apoio ao Desenvolvimento de Tecnologias Assistivas) da Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas (FAPESPA). É importante destacar que os livros do GAPTA são disponibilizados gratuitamente, no formato ebook (encurtador.com.br/lqxFH) e em formato impresso no endereço eletrônico: https://clubedeautores.com.br/livro/uso-dos-recursos-naturais-da-amazonia-paraense, e não possuem finalidade lucrativa.

As análises e as proposições contidas no presente livro demonstram que os recursos naturais devem ser pautados em sua integralidade: estão presentes na vida cotidiana dos habitantes regionais, no seu modo de vida e manifestações culturais, nos embates e confrontos de valores e ações sobre a apropriação dos recursos, tanto na projeção mercantil de diversidade de empreendimentos, quanto na percepção de recursos vitais, de uso comum das populações e comunidades regionais. A dimensão socioambiental é também incorporada, principalmente como uma questão nova e importante que se impõe como elemento de disputa e, ao mesmo tempo, como item presente na pauta das reivindicações, de negociação entre grupos sociais e de setores do mercado e do Estado. Esperamos que essas reflexões auxiliem o leitor a entender ainda mais as dinâmicas presentes no espaço geográfico amazônico.